Páginas

Studio mais FM

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

​Dor de estômago, gastrite ou úlcera?




Viver e saúde 
Uma simples dor no estômago, se não tratada no início do sintoma, pode evoluir e transformar o quadro em uma úlcera gástrica ou duodenal. Caracterizada por uma inflamação ou lesão aberta na mucosa do estômago ou duodeno, a úlcera se desenvolve a partir da produção de ácido clorídrico para a digestão dos alimentos. Com esse procedimento, o órgão passa a concentrar uma acidez acima do normal e pode lesionar as paredes do estômago ou do duodeno.
Na maioria dos casos a úlcera se manifesta através de muita queimação, dores abdominais, enjoos, náuseas e vômitos. Nestas condições, é importante a realização de uma endoscopia digestiva alta, não somente para identificar o que está provocando o quadro, mas, principalmente, para afastar a possibilidade de se tratar de um câncer gástrico, uma vez que os sintomas são parecidos. Estima-se que para os próximos anos surjam aproximadamente 22 mil novos casos de câncer no estômago, segundo dados do INCA (Instituto Nacional de Câncer).
“O hábito de comer de forma irregular e com abuso de condimentos, o uso do cigarro, álcool e café em excesso, uma gastrite mal cuidada, são alguns indícios para um quadro de evolução de úlcera. Porém, a doença também pode ser desencadeada através da bactéria Helicobacter, e por meio do constante uso de anti-inflamatórios e aspirina para dor”, explica Mounib Tacla, gastroenterologista.
Diagnóstico e tratamento
Por meio de uma endoscopia digestiva é possível detectar a inflamação e tratar a tempo com uma medicação adequada. O exame é realizado com sedação leve e é feita uma biópsia, para retirar uma amostra de tecido para análise e pesquisa da bactéria Helicobacter, sendo todo o procedimento indolor.
Quase sempre o tratamento é feito com medicação, mas é importante aliar a isso uma mudança do estilo de vida, com redução do “stress”, parar de fumar, reduzir o álcool e o café, além de cuidados com a alimentação. “Geralmente quem adquire úlcera não tem uma rotina alimentar saudável, portanto, é imprescindível para o sucesso do tratamento a inclusão de hábitos saudáveis e o abandono dos antigos costumes”, orienta Dr. Tacla.
Para não sofrer desse terrível mal o especialista indica alguns modos de prevenir a doença, mas se a dor for constante, procure um médico especialista o mais rápido possível e conclua o tratamento especificado para o caso:
– Fazer cinco refeições por dia, reduzindo a quantidade;

– Evitar frituras e alimentos com muito condimento;

– Evitar refrigerantes e bebidas alcoólicas;

– Parar de fumar;

– Fazer refeições leves à noite;

– Evitar bebidas que contém cafeína;

– Incluir na alimentação frutas, mas evitar as ácidas;

– Incluir na alimentação verduras e legumes;

​Projeto que cria o ‘Dia da Mulher Cristã Evangélica’ é sancionado




Portal no Ar

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), aprovou a criação do Dia da Mulher Cristã Evangélica, um projeto de lei da Assembleia Legislativa de autoria do deputado estadual Adilson Rossi (PSB). A data será comemorada no dia 28 de março.

Em sua justificativa para apresentação do projeto, o deputado afirma que “as mulheres cristãs temê um papel muito importante na família, na Igreja e na sociedade, e temos que valorizar“.

Afirma ainda que, se “no começo do século 20, a mulher era ainda considerada, muitas vezes, como intelectualmente inferior, como incapaz de assumir responsabilidades cívicas, devendo, por isso estar sujeita à tutela familiar do homem“, hoje “a influência da mulher em todas as esferas da sociedade tem aumentado. Podemos constatar esse fato através da presença das mulheres em muitos lugares onde até há bem poucos anos era impensável“.

Há cerca de seis meses, outro projeto de cunho evangélico, o Dia de Combate à Cristofobia, da Câmara Municipal de São Paulo, foi vetado pelo prefeito Fernando Haddad (PT). O projeto, de autoria do vereador Eduardo Tuma (PSDB), defendia a criação da data para garantir a liberdade de expressão dos cristãos.

A criação do Dia da Mulher Cristã Evangélica foi publicada na edição de sábado (19) no Diário Oficial do Estado.

​‘Senhora do Destino’ será reprisada novamente em ‘Vale a Pena Ver de Novo’

Gente no Ar 
2017 já vai começar com tiros. Tudo porque “Senhora do Destino”, a novela mais assistida do século, exibida na faixa das 21h da Globo em 2004, estará de volta em “Vale a Pena Ver de Novo”. Esta será a segunda vez que a trama será reprisada nas tardes da emissora, sendo a primeira em 2009.
“‘Senhora do Destino’ no ‘Vale a Pena Ver de Novo’ outra vez! A única novela da Globo com os três Zés!”, escreveu o ator José de Abreu em seu perfil oficial no Twitter, afirmando que a trama será reprisada pela Globo novamente.

A afirmação do ator vem depois de Aguinaldo Silva insinuar a volta da novela, no início de novembro: “Ela anda espalhando por aí que vai voltar: será?…”, escreveu o autor do folhetim, como legenda de uma foto com a vilã Nazaré Tedesco (Renata Sorrah).